السبت، 16 يوليو، 2011

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS A ALGUÉM QUE ACHA QUE O REAJUSTE ( extinção do confisco ) dos segurados quebraria o INSS .

RESTAURAR O IRRESTAURÁVEL

Mantemos o texto anterior. Respeitamos sua opinião embora dela discordemos totalmente. Não vamos polemizar, no entanto, aduziremos :- O Fator (redutor)
Previdenciário é fruto maldito do governo FHC, assim como a desvinculação dos reajustes dos “benefícios” dos aumentos do salário mínimo. Devemos também ao governo Lula a manutenção de tais medidas, apesar de suas promessas de campanha, inclusive vetando a extinção do “FP” ao apagar de seu segundo mandato.
O Senado da República, em dezembro de 2009 aprovou por unanimidade os projetos do senador Paulo Paim.
Que praticamente abortou na Câmara Federal. Cujo presidente prometeu por várias vezes a colocação em pauta, não o fazendo.

O fato do valor dos “benefícios” serem desvinculados
dos reajustes do “sm” representa o “confisco” de importante parcela dos valores devidos, confisco esse que os senadores de então -- Geraldo Mesquita, Mário Couto, Romeu Santa e Romeu Tuma – classificaram de
“quebra de contrato”, “estelionaro” e “apropriação indébita”. Quem duvidar que veja as gravações do Senado e dezembro/2009.

Não seremos indelicados, classificando de “mentira”, preferindo dizer “inverdades”, o dizer-se que a aprovação dos “PL” de Paulo Paim, quebraria o sistema previdenciário brasileiro. Se isto ocorrer será por outros motivos como, por exemplo, o desvio de verbas para outros fins, a inadimplência de prefeituras, grandes empresas, formação do superávit primário. Além das milionárias falcatruas freqüentes na mídia mas cujos resultados jamais são conhecidos.

Além disso, se há recursos para pagar as centenas de congressistas, cujos proventos eles próprios aumentam; se há recursos para nomeações de tantos cargos sem concurso; se há recursos para superfaturamento dos custos das obras públicas, por que não se respeitar os direitos dos aposentados e pensionistas do INSS, direitos esses consubstanciados com o “contrato” que fizeram com o INSS ao iniciarem sua vida profissional.
Seu nome não Instituto Nacional da SEGURIDADE Social ?...

E porque o valor das aposentadorias e pensões do serviço público têm que ser maiores e de aumentos mais freqüentes em relação ao que ocorre no INSS ?

Por favor, que nossos oponentes pensem no que acima dissemos, até mesmo por questão de solidariedade humana e justiça.

Álvaro Ramos.
A.D.D.I. (em organização)

ليست هناك تعليقات:

إرسال تعليق