الأربعاء، 20 يوليو، 2011

CONCORRÊNCIA A HITCHOCK - Nada vale nossa vida -Apelemos para o IBAMA...

CONCORRÊNCIA A HITCHOCK...

Vive o mundo, e com ele o Brasil, situação singular, para não dizer dramática e aterradora. Plena confusão entre o real e a ficção !...Alfred Hitchock, o famoso diretor inglês de cinema, que em 1925, começou a construir sua fama de mestre de suspense, impressionava-nos com seus filmes de terror, coisas de “arrepiar os cabelos”, tremer-nos as pernas, tirar-nos o sono, todas aquelas sensações de pavor, de medo, de insegurança, que resultam dessas situações !...

Isto era a ficção !...

Hoje, tais filmes não nos causariam o mesmo efeito. São “tirados de letra”, pois vemos diariamente na mídia episódios semelhantes, até mesmo com a tecnologia avançada destes temos.


Isto é real !...desgraçadamente...

Vemos diariamente, a vivo e a cores, filhos assassinando seus próprios pais com requintes de perversidade, mulheres matando seus maridos e maridos matando as mulheres, um terceiro matando um casal para morar em sua casa e ocultando os corpos no mesmo quintal, um médico libertado após vários anos de prisão, por haver esquartejado o corpo de uma mulher, justificada a sentença liberatória pela alegação de que ele, estava sofrendo “constrangimento ilegal”, mulher grávida e o próprio feto sucumbindo vitimada por bala perdida, menino executado por policiais irresponsáveis, garoto morto após rodar muitos metros amarrado ao cinto de segurança do carro roubado, índio queimado vivo em praça pública na capital do país ( e os criminosos, onde estão ?!...), pessoas morrendo em seus próprios leitos vitimas de balas perdidas, pedófilos entrando e saindo dos presídios em conseqüência de benefícios que traduzem a fragilidade das leis ( a Lei, óra a lei, como dizia Vargas...) , Concessão de liminares e progressões de pena com os beneficiários reincidindo ou fugindo. Pai e filho se encontram, planejam comemorar, abraçam-se, seis cobardes discriminadores os supõe homossexuais, agridem-nos violentamente, cortam a orelha do pai. Um é reconhecido e preso e solto em seguida, para responder em liberdade. Um outro, classe alta, guiando embriagado seu carro de
R$600.000,00 a 150 km/hora, colide com outro carro, matando uma jovem advogada. Paga fiança de R$300.000,00 e é solto para responder ao processo em liberdade, acusado de homicídio culposo. ( Liberdade para novas façanhas...).


E tudo por força da incompetência, do comodismo e omissão de nossos legisladores,mais preocupados em julgar em causa própria a elevação de seus proventos do que em aprimorar as leis que se tornam superadas, da fraqueza de nossas leis e da leniência de nossos magistrados, da paciência quase mórbida de nosso povo, que não sabe lutar, exigir, somando-se uns aos outros na grande e redentora pugna capaz de resgatar nossos dirigentes da letargia em que se encontram.

E dessas reflexões surge-nos uma idéia. Que os cidadãos deste país passem a ser protegidos não pela polícia, mas pelo IBAMA, pois a vida de piriquito, de um micro-leão dourado ou de uma arara vale aqui muito mais que a vida de um ser humano. Afinal, nada mais somos que “animais em extinsão !... Alguém duvida ?´
_______________________________________________________

هناك تعليق واحد:

  1. Precisamos de leis mais enérgicas e de autoridades menos lenientes. Sequestro, homofobia, deveriam ser considerados de crimes hediondos, sem possibilidade de responder em liberdade ou liberdade sob fiança.
    Se não chegarmos ao olho-por-olho, dente por dente, estaremos homologando os crimes crueis.
    Alvaro Carneiro

    ردحذف