الخميس، 6 أكتوبر، 2011

ALÔ, ALÔ, DEPUTADO BARBIERE , não fique em cima do muro.Somos a OPINIÃO PÚBLICA e queremos a verdade com urgência.

ALÔA propósito da matéria “ Casa de tolerância” do
articulista Ricardo Melo, na Folha de S.Paulo desta data.

Os senadores, deputados federais e estaduais, vereadores e ocupantes de cargos eletivos do país terão – mais tarde ou mais cedo – que se conscientizar de que a opinião pública não é burra, que sabe o que quer, e que embora ainda haja aqueles que se deixam levar por um tapinha nas costas, um cafezinho ou um sanduba de mortadela no boteco do barraco, pelo beijinho nas crianças, pelos beijos das “chacretes” , está hoje – essa mesma Opinião Pública , muito mais politizada e realmente de olho nos simuladores, enganadores e corruptos que ainda infestam a política brasileira. Há exceções ? Claro que há, e várias, mas ainda existe muito joio em meio a esse trigo !... Nossos partidos não podem se transformar em quadrilhas organizadas, mas sim em portadores de ideologias que possam contribuir para o desenvolvimento do país. É claro que alguns nos criticarão, mas antes de o fazerem terão que tirar suas carapuças ...

O artigo de Ricardo Melo está perfeito e merece o respeito e o apoio de todo bom brasileiro. Precisamos acabar com os “cafetões” que exploram essa Casa de Tolerância. O Brasil está na UTI, levado justamente por aqueles que são regiamente pagos para defendê-lo !...

O deputado Roque Barbiere tem a obrigação de informar os nomes dos envolvidos na venda de emendas, sob pena de não merecer o mandato que poderá perder, por prevaricação. O governador Geraldo Alckmin precisa exigir que esse episódio não se transforme em um mar de lama que invada o Palácio 9 de Julho.

Álvaro Ramos
Cidadania-Brasil-Online
www.soramramos.blogspot.com
SP. 06.10.2011
cc. roquebarbieri@al.sp.gov
cc. leitor@uol.com.br

ليست هناك تعليقات:

إرسال تعليق